Presidente da Blizzard deixa empresa para “buscar novas oportunidades”


J. Allen Brack, presidente da Blizzard Entertainment (‘Warcraft’, ‘Overwatch‘), está deixando o cargo menos de duas semanas depois que uma investigação tornou pública diversas alegações explosivas de assédio moral, sexual e discriminação dentro da empresa. Jen Oneal e Mike Ybarra assumirão, em conjunto, o comando do estúdio.

“Ambos os novos líderes estão profundamente comprometidos com todos os nossos funcionários; para o trabalho à frente; para garantir que a Blizzard seja o local de trabalho mais seguro e acolhedor possível para mulheres e pessoas de qualquer gênero, etnia, orientação sexual ou histórico; para defender e reforçar nossos valores; e para reconstruir sua confiança. Com muitos anos de experiência no setor e profundo compromisso com a integridade e inclusão, Jen e Mike conduzirão a Blizzard com cuidado, compaixão e dedicação à excelência”, destacou o anúncio oficial da empresa, ainda apontando que os dois novos presidentes se pronunciarão ao público “em breve”.

publicidade

Após polêmica, presidente da Blizzard deixa empresa para "buscar novas oportunidades". Imagem: Kotaku/Montagem/Reprodução
J. Allen Brack, presidente da Blizzard, deixa empresa para “buscar novas oportunidades”. Imagem: Activision Blizzard/Divulgação

À imprensa, Brack enviou nota oficial afirmando que a nova liderança fornecerá à desenvolvedora de games o necessário para “realizar todo o trabalho em potencial e acelerar o ritmo das mudanças”. “Prevejo que eles farão isso com paixão e entusiasmo, e que serão confiáveis para liderar com os mais altos níveis de integridade e compromisso com os componentes de nossa cultura que tornam a Blizzard tão especial”, disse, sem citar em nenhum momento as polêmicas e o processo de assédio.

Em uma declaração separada, enviada aos investidores da Activision, Brack diz que está saindo para “buscar novas oportunidades”. Ele era presidente desde 2018, e está na empresa desde 2006, tendo trabalhado em empresas como Origin (‘Wing Commander’) e SOE (‘Star Wars Galaxies’).

Vale lembrar que a saída do ex-presidente ocorre em meio a um período bastante crítico da Blizzard. A empresa, atualmente, está sendo processada pelo governo da Califórnia por denúncias de assédio e abuso sexual, e está sob investigação pelos próprios acionistas, que procuram por evidências de que tenha escondido informações sobre a ação legal.

Leia mais sobre o caso envolvendo a Blizzard Activision:

Fonte: Kotaku

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!


Todo mês, obtenha itens exclusivos, jogos grátis,
uma assinatura gratuita na Twitch.tv e muito mais
com sua assinatura Prime.
Clique aqui para um teste gratuito de 30 dias.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *